Acidose

Como a acidificação metabólica pode ser limitada?

A acidose é um distúrbio metabólico que afeta animais monogástricos e ruminantes. Ela está associada com rações rapidamente fermentáveis e ricas em energia, que tendem a baixar o pH (no rúmen de ruminantes e no sangue em animais monogástricos) e reduzir o desempenho zootécnico. Este fenômeno pode ser limitado por meio do uso de bicarbonato de sódio. 

Acidose em vacas

A acidose é uma doença muito comum em vacas leiteiras, particularmente em sua forma subclínica, e ocorre quando o pH ruminal cai abaixo dos valores normais (6-6,8). É causada principalmente pelo enriquecimento da dieta e a busca pelo aumento da produtividade. De fato, a fim de aumentar a produção de leite e de desempenho, uma dieta rica em energia e altamente fermentável, é necessária para abastecer rapidamente o corpo com os nutrientes que precisa para a produção de leite. Sob condições normais, a flora bacteriana do rúmen transforma a energia fornecida pela alimentação em ácidos gordurosos voláteis, que são então absorvidos pelas papilas ruminais. Para compensar a acidificação do rúmen causada pela produção de ácidos gordurosos, a vaca produz naturalmente uma secreção salivar tampão à base de bicarbonato. Mas com rações altamente fermentáveis e ricas em energia (utilização de concentrados), ácidos gordurosos são produzidos mais rapidamente do que são absorvidos, o que leva à acidificação do rúmen. Além disso, as rações que são pobres em fibras não são suficientes para estimular a ruminação e salivação, impedindo assim que a vaca naturalmente possa restaurar o pH ruminal normal. Como resultado, a vaca desenvolve acidose. 

acidosis-PT 

Como a subacidose pode ser detectada quando os animais são colocados para pastar?

Subacidose ocorre com bastante frequência quando o rebanho é mandado para o pasto e esta é uma patologia difícil de detectar. Aqui estão alguns sinais para ajudar a detectar os animais que sofrem de acidose: 
  • Redução do teor de gordura (TG) é o primeiro sinal de aviso. 
  • Vacas mancando e sofrendo de dermatite. 
  • Eles bebem urina (comportamento Pica) em uma tentativa de tamponar o pH ruminal. 
  • Há uma queda na produção de leite e TG. 
  • O esterco é macio, amarelado e mostra sinais de digestão incompleta (fibras não digeridas).  

Efeito tampão

A acidose pode ser evitada pelo ajuste da dieta do animal. O bicarbonato de sódio faz com que seja possível tamponar o pH ruminal e garantir o uso seguro de rações ricas em energia.  

buffer-effect-PT